Pequenos, mas de Grande Passado

Publicado: outubro 13, 2010 em História

Nem sempre os microcarros foram considerados bonitos. A menor classe dos automóveis, foram pequenos talvez por necessidade da época, ou momento econômico. A medida que os custos de produção diminuíram, os carros começaram a ganhar tamanho e potência, e os microcarros acabaram sendo esquecidos. Pouco tempo atrás com o aumento no preço do petróleo, e a corrida pelos carros elétricos, os microcarros voltaram a aparecer.  O MSN Auto publicou uma lista de carros pequenos com um grande passado. Veja quais são esses carros e conheça um pouco sobre cada um.

Austin 7 (1922)

O modelo apareceu em 1922, quando o mercado mundial já apresentava uma certa preferência por carros maiores, mas mesmo assim o modelo se tornou um dos microcarros de maior sucesso mundial. Com seu motor de 757cc e 10 HP, o carrinho vendeu mais de 200mil unidades, e o projeto acabou sendo vendido e copiado por fabricantes de carros de países como Alemanha, Japão, França, e Estados Unidos. Um carro que fez fama pelo preço acessível, durabilidade, e economia de combustível. Os últimos modelos fabricados alcançavam marcas de 21 km/l.

 

King Midget Model 1 (1946)

Depois do fim da Segunda Guerra Mundial o modelo era oferecido como Kit-car, e pouco depois era montado pelo próprio fabricante. De uma certa maneira foi um passo para trás em relação ao A7, com apenas lugar para uma pessoa e um motor de apenas 6 HP. Por outro lado o carro era barato, por volta de U$350 já montado na época, o que em valores atuais sairia por menos de U$3000. Foram fabricados 5mil King Midgets entre 1946 e 1970.

 

Iso Iseta (1953)

Alguns consideram quem 1950 foi um período renascentista para o desenho dos microcarros, a começar pelo italiano Iso Iseta. O desenho parecia mais um carro conceito, de dimensões reduzidas, entrada pela porta dianteira, e um motor de 9,5 HP. A primeira versão possui apenas 3 rodas, mas a Iso rapidamente adicionou mais uma roda na traseira para melhorar a estabilidade. O modelo foi licenciado para várias empresas ao redor do mundo, inclusive para a BMW. No Brasil o carrinho também chegou a ser fabricado pelas indústrias Romi, se chamando Romiseta.

 

Messerschmitt KR200 (1955)

Dez anos após o fim da Segunda Grande Guerra Mundial, a Alemanha ainda se recuperava e o fabricante de aviões Messerschimitt estava proibido de fabricar qualquer tipo de aeronave. Enquanto a empresa esperava o prazo de proibição expirar o fabricante produziu um dos microcarros mais populares do mundo. O KR200 foi claramente inspirado numa aeronave, com 3 rodas, assentos em fileira com o passageiro sentado atrás do motorista, e não havia volante, mas sim uma barra que deveria ser empurrada. Foram vendidos na Alemanha e no resto do mundo mais de 40mil unidades em 9 anos de produção.

 

Fiat 500 (1957)

Um dos modelos mais influentes na história dos microcarros. Originalmente o 500 era equipado com um motor traseiro de 13,5 HP, e ajudou a motorizar a Italia no pós guerra, sendo produzido até 1975. O Novo Fiat 500 é atualmente muito grande para ser considerado um microcarro. Lançado em 2007, o modelo é um sucesso de vendas e deve contar com derivados em breve, assim como o versão original que contava com várias versões, como a 500K Giardiniera da foto acima.

 

BMC Mini MK1 (1959)

Assim como o Fiat 500, nem sempre o Mini é considerado um microcarro, mas a versão original tinha proporções reduzidas e um motor de 848cc podendo assim ser considerado da categoria. O carro ainda tinha mais em comum com o Fiat 500. Ambos acomodavam 4 passageiros, e o desenho lembrava um carro de verdade e não uma caixa de sapatos com 4 rodas. Também ambos os modelos se tornaram ícones, o 500 na Ítalia e o Mini no Reino Unido. O Mini também foi re-editado mas através da BMW, que fabrica o modelo atual, de proporções maiores também.

 

Peel P50 (1962)

Durante os anos 60, a economia mostrava sinais de recuperação, e o mercado já estava saturado de Minis e Fiats 500, o que representava um período de hibernação para os microcarros. O Peel P50 era equipado com um pequeno motor de 50cc e 4,2HP, e a melhor qualidade talvez fosse o título de menor carro do mundo em comprimento. Talvez se o modelo tivesse sido fabricado no período pós guerra as vendas poderiam ter sido melhor. Durante os 15 meses que esteve em produção, o modelo vendeu apenas 47 unidades.

 

Smart Fortwo (1998)

Durante os anos 70 e 80 alguns carros pequenos chegaram a ser produzidos, mas eles ainda eram muito grande para serem considerados microcarros, ou alguns ficaram apenas no anonimato. Quando a Smart anunciou a fabricação do Fortwo a mídia recebeu o carrinho de forma calorosa e o sucesso do modelo trouxe de volta os microcarros. Embora o desenho seja baseado em modelos de décadas passadas, a economia de combustível proporcionada pelo motor de 50hp tornou o modelo atrativo numa época que o preço do petróleo disparava.

 

REVAi (2008)

A Smart já anunciou em 2010 que pretende lançar uma versão elétrica do Fortwo, mas um fabricante indiano chegou na frente com um microcarro elétrico. O modelo é equipado com um motor elétrico de 17 HP que leva o carrinho a quase 90Km/h, com uma autonomia de 90 Km. Com um preço de U$7mil na Índia, o carro leva o título de carro elétrico mais vendido no mundo.

 

Scion iQ(2011)


Talvez versões elétricas de Fortwo, Ravai, ou Tata possam ser o futuro os microcarros, mas a Toyota acredita que ainda exista mercado para pequenos carros com motores a gasolina. O Scion iQ é maior que um Fortwo, mas tem lugar para 4 pessoas, e com um motor 1.3l de 100HP. Se não fosse pelo preço de U$15mil o carrinho poderia ser considerado um típico microcarro. O iQ deve começar a ser vendido nos Estados Unidos em 2011.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s