Toyota secretamente comprou carros com defeitos

Publicado: novembro 16, 2010 em Toyota

Uma Ação Judicial revisada afirma que a Toyota teria secretamente comprado de proprietários com problemas de aceleração involuntária.

(Reuters, Los Angeles, 29 de Outubro de 2010) Como parte da estratégia para esconder os problemas do conhecimento de órgão de segurança e também do público, a Toyota teria comprado de volta os carros de proprietários que tiveram carros com problemas de controle de velocidade ou aceleração involuntária.  A transação de compra entre a Toyota e os proprietários incluiu cláusulas de silencio que proibiam que o problema fosse comentando, ou que os donos processassem  a Toyota pelo problema, afirma a nova ação judicial coletiva revisada sobre o problema. A nova ação cita registro de documentação interna da Toyota em que gerentes de oficinas e técnicos teriam reportado os problemas de controle de velocidade de carros de clientes da marca. Existe também a confirmação de pelo menos um caso distinto de aceleração involuntária que foi não foi reportado aos órgãos de segurança federais.

A nova ação agora possui mais de 700 páginas, além de 100 páginas de evidencias anexadas, e está sendo baseada em fatos de dezenas de consumidores que dizem ter tido perdas financeiras, desvalorização do preço de venda, causados pelas reclamações de carros Toyotas acelerando fora de controle. A ação afirma que a Toyota teria ignorado evidencias de problemas de controle de velocidade em seus veículos nos últimos 10 anos e falhou por não instalar o sistema que desativa o acelerador quando o freio é acionado que poderia prevenir acidentes.

A Toyota reconheceu em um comunicado na quinta feira, 27 de Outubro de 2010, que comprou carros de consumidores que reclamaram do problema de aceleração, mas com o objetivo de conduzir uma análise de engenharia mais profunda nos carros. Porém, a Toyota informa que seus técnicos nunca conseguiram duplicar os problemas de aceleração involuntária ou controle de velocidade nos carros que apresentaram problemas. Brian Lyons, porta voz da Toyota, diz que pediu para que os consumidores que venderam seus carros para a Toyota não comentassem o assunto, e não que tivessem sido proibidos de falar sobre o assunto, quando assinaram o acordo com a Toyota.  Lyons também afirma que os carros teriam sido comprados sob a lei de carros com problemas crônicos, chamada Lemon Law, que obriga ao fabricante a comprar o carro de volta a pedido do consumidor quando o carro apresenta série de problemas seguidos. Nesse caso, os carros foram comprados a pedido da Toyota, e não dos consumidores. A Toyota tem o conhecimento de dois fatores que causaram os problemas de velocidade: o tapete que tinha formato inadequado, e também o pedal de acelerador que prendia. Os dois problemas foram resolvidos através de recall envolvendo 5.4 millhões de veículos nos Estados Unidos, e 1.6 milhões de veículos na Europa.

A Toyota afirma que a maioria dos casos de aceleração descontrolada foram causados por erros dos motoristas, e negou que possa existir algum problema escondido no sistema que controla o acelerador, como a primeira ação sugeria. Já a nova ação revisada aponta documentos internos da Toyota que mostram que técnicos reproduziram os mesmos problemas de aceleração apontados pelos consumidores. Em alguns exemplos, a ação mostra que a causa da aceleração involuntária ocorrida em alguns test-drives não foi explicada e continua sem explicação. Também a ação afirma que em relatórios datados de 2006 a 2010, técnicos de Hong Kong confirmaram problemas de aceleração em carros testados, mas descartaram os tapetes ou pedais de aceleradores como causa do problema. Em outro caso separado em 2009, uma Toyota Tacoma dirigida por um Gerente de Oficina da Toyota, apresentou problemas de aceleração involuntária. O veículo acelerou de 70 mph a 95mph em segundos, sendo que o motorista não estava pressionando o acelerador, e os tapetes estavam adequadamente instalados, conforme aponta a nova ação judicial.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s